mruiandre Mário, todavia, Rui, contudo, André

Página1

Numa altura em que a internet móvel ainda não era uma realidade para todos e, por isso, a informação digital ainda não era portátil, a Renascença lançou um jornal em PDF. Um jornal que qualquer um podia imprimir e ler em qualquer lado. Chamava-se Página1.

Fui aos “arquivos da web” (literalmente) descobrir este projecto e falo-vos dele no Shifter.

Nós também estamos a desenvolver uma edição “faz-tu-mesmo”, em papel e de impressão local. A lógica é completamente diferente, como imaginam. A nossa ideia passa por ter um produto que valoriza o papel, num momento em que tudo é digital e móvel.

mruiandre Mário, todavia, Rui, contudo, André

No Twitter

Instagram

Seguir