mruiandre Mário Rui André

Atenção às “apps grátis” em roaming

À atenção de quem tem tarifários com tráfego “ilimitado” em certas apps:

É “ilimitado” só em Portugal. Se estiverem em roaming (na UE/EEE), o uso dessas aplicações vai contar para o o vosso plafond de dados “normal”. As operadoras informam disto nas letras pequeninas e numa linha de apoio que fala outra língua que não português. Como muitos, provavelmente, fui surpreendido com esta aldrabice e obrigado a fazer gastos extra.

E não é apenas uma aldrabice. É uma ilegalidade. Uma violação das regras do roaming da União Europeia, que a Anacom felizmente detectou. Assim, as operadoras vão ter de alterar os seus tarifários; a NOS, pelo menos, já o está a fazer. As apps com tráfego “ilimitado” dos tarifários WTF continuarão a tê-lo em Portugal, mas em roaming (UE/EEE) o plafond de dados é aumentado para compensar – 2,66 GB no tarifário W, 3,20 GB no T e 4,55 GB no F. Menos mal, tive “azar” e fui de férias para fora mais cedo.

“A impossibilidade de utilização em roaming no EEE do(s) plafond(s) adicional(is) específico(s) para certas aplicações e/ou do tráfego ilimitado para determinadas aplicações em condições equivalentes às aplicáveis quando se encontra em território nacional, configura (…) uma violação das regras do Regulamento do Roaming (em especial do princípio do RLAH [Roam Like At Home]”

Anacom
mruiandre Mário Rui André

Mário Rui André

Co-Fundador e Director Operacional do Shifter